subscribe: Posts | Comments

leader

“Do nosso jeito

0 comments

–  Revista reúne textos de estudantes de escola pública de Foz  –

Este slideshow necessita de JavaScript.

.
Estudantes do Colégio Cataratas do Iguaçu apresentaram à comunidade escolar uma revista literária com textos autorias. A publicação é resultado do Festival Auê Literário, ação de leitura e escrita realizada pela Associação Guatá em parceria com escolas estaduais e educadores, e patrocínio da Itaipu Binacional.
.
A revista foi divulgada durante encontro cultural de finalização da edição do projeto na escola, quinta-feira, 23. O evento reuniu exposições de fotografias e poesias, banca literária e atividades de produção de textos não ficcionais. O encerramento contou com show do grupo iguaçuense O Samba é Assim.
.
O Festival Auê Literário tem o objetivo de formar leitores e incentivar a escrita e a expressões entre os estudantes. São quatro encontros em cada escola para a realização de oficinas, além de dois worshops. Após a formação, acontece a mostra cultural com resultados do programa.
.

Camila (primeiro plano): “Nunca tive meus textos publicados antes. Deu muito orgulho”

Estudante do ensino médio, Camila Cordeiro teve seus textos publicados na revista com as experiências literárias do Colégio Cataratas do Iguaçu. Ela contou que se surpreendeu com os textos. “Minha mãe sempre me incentivou dizendo que tenho potencial. Mas não escrevia ficção e nunca tive meus textos publicados antes. Deu muito orgulho”, revelou.

 

.

Schineider: “Durante as atividades, descobrimos coisas que nunca imaginamos que o colega pensasse daquela forma

Além da publicação, o estudante Willian Schneider ressaltou que o projeto possibilitou maior contato entre a turma. “Tem coisas que a gente não fala no dia a dia para o seu colega de sala de aula. Durante as atividades, descobrimos coisas que nunca imaginamos que o colega pensasse daquela forma”, descreveu.
.
Escola, espaço de arte e cultura
.
Diretora do Colégio Cataratas do Iguaçu no período noturno, a pedagoga Auzeni Maria de Lima destacou as atividades do projeto que valorizaram a oralidade e as histórias individuais de cada aluno. Ela também frisou a integração proporcionada pelo projeto no ambiente da escola.
.
“Pude perceber o resgate da oralidade, a alegria dos alunos em falar das suas infâncias, seus sonhos, sabores e cheiros”, apontou Auzeni. “Eles tiveram a oportunidade de falar de momentos de alegria compartilhados com seus avós e pais quando ainda eram crianças”, disse.

Auzenir: “Pude perceber o resgate da oralidade, a alegria dos alunos em falar das suas infâncias, seus sonhos, sabores e cheiros”

.
A educadora reforçou a importância do diálogo entre arte, cultura e educação de forma permanente. “Como pessoa e professora, só tenho a agradecer ao projeto. Como cidadã desejo que as atividades da Guatá sejam levadas para outras instâncias, a outras escolas”, ponderou.
.
Mais leitores
.
Agente educacional responsável pela biblioteca do Colégio Cataratas do Iguaçu, Diego Valdez relatou que percebeu maior envolvimento dos estudantes com a leitura. Ele explicou que o equipamento é bastante acessível e aberto aos alunos, mas que identificou maior procura por livro e pela carteira para a retirada de publicações.
.
“O Auê despertou nos alunos uma curiosidade que nem sempre tinham. Eles começaram a olhar a biblioteca com mais interesse”, destacou Diego. “Observei que aumentou o número de leitores e de estudantes que fizeram a carteirinha da biblioteca escolar”, revelou.

.
Impressões
.
A revista com criações dos alunos do Colégio Cataratas do Iguaçu é a terceira editada pelo projeto Auê Literário. Os textos são de autoria de 22 estudantes do ensino médio, elaborados durante as oficinas formativas do programa. As duas publicações anteriores da revista reuniram textos de jovens das escolas Gustavo Dobrandino da Silva e Flávio Warken.

Veja o álbum completo do Auê Literário no Colégio Cataratas, clicando aqui.

.
Para saber mais sobre o Festival Auê Literáio, clique aqui.

______________________________
Guatá/ texto: Paulo Bogler / fotos: Áurea Cunha e Paulo Bogler

468 ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *