subscribe: Posts | Comments

leader

Impaciência

0 comments

Um poema de Carmen Soler

Não finja o amanhã em hoje.
Não pule as fases.
Não tente assim queimar o tempo.
Viva a sua idade.
Cada um possui o que em outra
Você não consegue encontrar.
Não se conformes
Com o impróprio do seu tempo.
É verdade que a árvore
Pulsando na semente,
Mas dê ao seu tempo
O tempo de crescer.
Tudo virá.
Tenha um pouco a teimosa
Paciência da terra.

___________________________
Carmen Soler, escritora, poeta, professora e militante política paraguaia. (1924-1985)

468 ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *